linda insta

Reportagens Edição 176 - Março de 2023

É brincando que se aprende


“Cada um de nós aprende no seu tempo, e, com as crianças, quanto mais lúdicos forem os estímulos recebidos, maiores serão os resultados. Quanto mais o imaginário for estimulado, mais respostas criativas teremos”. Elisandra de Vargas

Uma pedagogia voltada às vivências da infância 

 

 

Escolher uma educação de qualidade para os filhos é uma tarefa importantíssima para os pais, especialmente na infância. Não só porque a criança passa boa parte do seu dia no convívio escolar, mas, também, porque é nessa idade que ela desenvolve habilidades que serão fundamentais para o seu projeto de vida no futuro. 

 

Elisandra de Vargas, 48, é diretora e psicóloga escolar há 16 anos na Carinha de Anjo, instituição infantil que existe há 20 anos no município. Para ela, é essencial que a escola vá ao encontro dos principais objetivos da família, que são a segurança da criança e a tranquilidade dos pais. “Também é interessante que pais ou responsáveis se atentem ao acolhimento, à comunicação entre escola e família, ao acesso à instituição durante a adaptação, à estrutura física e aos profissionais com quem a criança irá conviver”, destaca.  

 

 

Parceria família e escola 

O resultado de um bom desenvolvimento na educação é fruto de um trabalho em parceria entre a família e a escola, já que é nessa fase que a criança forma as referências que carregará por toda a sua vida, como conceitos, valores e estrutura psicológica. “Pensando dessa forma, nossa escola está sempre muito atenta a todo o processo de desenvolvimento infantil.  Procuramos estar próximos dos alunos, cuidando-os e acompanhando-os em cada fase, além do suporte que oferecemos sempre as nossas famílias”.   


Crianças da Carinha de Anjo aprendem enquanto se divertem

 

Pedagogia do brincar 

Elisandra afirma que estimular a aprendizagem através do brincar possibilita à criança momentos ricos de descoberta e estímulo à criatividade, pois, através de sua vivência e percepção, ela construirá o seu próprio conhecimento. “O brincar abre um leque de possibilidades. É brincando que a criança se torna parte do seu processo de aprendizagem, é na brincadeira que a dúvida surge e faz nascer novas curiosidades. O nosso brincar está presente em cada construção, em cada história contada, em cada ‘faz de conta’”, revela.  

 

Nesse sentido, a diretora enfatiza também a importância de as formações serem constantes por parte dos professores, através de estudos e práticas reflexivas sobre as atividades que desenvolvem no dia a dia. “Trabalhar com educação é um ato de amor e cuidado acima de tudo. É preciso estar disposto e entregar-se por completo, pois estamos lidando com o início da vida e possibilitando às crianças o acesso ao mundo”.  






EDIÇÃO IMPRESSA


Edição 190 - Junho de 2024

BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições
linda no face 2

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9644 - (51) 3722-9600