linda insta

Reportagens Edição 170 - Agosto de 2022

Agosto Dourado


“Ter informação atualizada e de qualidade é fundamental. Do contrário, isso pode transformar um momento especial em turbulento”, afirma Larissa Fortes da Costa.

Mês simboliza o incentivo à amamentação 

 

 

Basta o bebê nascer para surgir um parente, um vizinho ou algum conhecido próximo para dar conselhos sobre a amamentação, não é mesmo? No entanto, esse é um verdadeiro desafio para a nova mãe, que, após o parto, vive momentos íntimos de descobertas e fragilidade emocional. 

 

Para Larissa Fortes da Costa, 31, enfermeira obstetra e consultora em amamentação, o processo nem sempre será instintivo ou natural, como muitas vezes parece. “É aí que surgem as receitas caseiras ou as histórias de pessoas que querem contar o seu exemplo pessoal. Mas precisamos, antes de tudo, compreender que muitas coisas mudaram desde a época das nossas mães e avós e que, por trás da amamentação, existem muitos estudos científicos que precisam ser respeitados”, esclarece.  

 

Neste mês, o assunto ganha ainda mais espaço e representatividade através da Semana Mundial da Amamentação. A campanha Agosto Dourado incentiva o aleitamento materno e reforça a importância dele para a saúde da mãe e do bebê. O objetivo da ação é educar as futuras mães e empoderá-las sobre a amamentação, desde o início da gestação.  

 

Para Larissa, o conhecimento sobre o assunto favorece a família para que busque o suporte necessário em uma rede de apoio sólida. Segundo o Ministério da Saúde, a amamentação deve ser exclusiva até os 6 meses de vida do bebê e complementada até os 2 anos ou mais, conforme for viável para cada família. “Mas precisamos entender que é de extrema importância a educação para que consigamos postergar ainda mais o período de amamentação das novas famílias, trazendo, assim, mais benefícios para mãe e filho”, diz.  

 

 

Benefícios do aleitamento materno

Para o bebê 

- Cria uma conexão maior com a mãe. 

- Enfrenta menos cólicas, pois a digestão melhora. 

- Menos riscos de desenvolver doenças alérgicas. 

- Diminui as chances de desenvolver doença de Crohn e linfoma. 

- Estimula e fortalece a arcada dentária. 

- Previne problemas fonoaudiológicos, respiratórios, auditivos e psicomotores devido à sucção. 

 

Para a mãe 

- Reduz o sangramento após o parto, ao produzir ocitocina. 

- Intensifica a perda de peso. 

- Ajuda a evitar a osteoporose. 

- Protege contra doenças cardiovasculares. 

- Diminui a incidência de câncer de mama, ovário e endométrio. 






EDIÇÃO IMPRESSA


Edição 190 - Junho de 2024

BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições
linda no face 2

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9644 - (51) 3722-9600