linda insta

Reportagens Edição 157 - Junho de 2021

Arteterapia


Dona Nina sempre foi muito ativa e usa a arte como forma de distração

Trabalhos manuais também são terapêuticos

A arteterapia é uma opção para quem precisa espairecer, afinal, como diz o ditado, ‘’mente vazia é oficina do diabo’’. Por isso, a Linda trouxe profissionais com lindas histórias e dicas para quem quer colocar as mãos na massa. 

 

 

Não há idade para a arte

Uma artista completa, Venina Herbstrith, 83, sempre amou criar coisas e hoje se dedica à pintura de telas, incluindo encomendas e exposições. Venina diz que a arte é essencial em sua vida, principalmente agora, com o isolamento. Para ela não importa o motivo pelo qual está fazendo arte, seja para distração ou como profissão, o importante é criar com amor. A pintura lhe ajuda a ocupar a mente e com isso a mantém sempre ativa. Nina, como é chamada, é uma incentivadora do ato de ‘’criar’’, seja o que for, e com isso o tempo parece que passa mais rápido. “Ocupo meus dias da melhor forma possível”, diz Nina.

 

 

 

Desenhando e criando mundos


Artista cachoeirense está ganhando o mundo

O mundo de Matias Streb, 34, sempre foi o dos desenhos. Hoje, ele tem mais de 20 anos de profissão e, apesar de sua biografia extensa, tem como destaque o fato de ter criado cartões colecionáveis oficiais para a Marvel comics, DC comics, para séries como “The walking dead”, “Game of thrones” e até mesmo para o filme “O hobbit”. Além de seus trabalhos ganharem o mundo, ele também é professor de desenho e pintura há mais de 15 anos. Para quem quer começar a desenhar, ele recomenda que pratique bastante o estudo da anatomia, da figura em movimento, em perspectiva e, claro, um aperfeiçoamento em um curso. Apesar de sua experiência profissional, Matias conta que acredita na importância do ato de desenhar como uma forma de terapia, afinal, muitas pessoas buscam no desenho uma oportunidade de espairecer e isso as ajuda a criar outros mundos, viajando enquanto pratica o hobby. 

 

 

Amor por crochê 


Hobby virou uma fonte de renda

Crochê é uma ótima terapia e Juliana Bauer, 25, artesã há um ano, notou isso assim que começou a trabalhar com esse tipo de artesanato e teve uma melhora em sua qualidade de vida. Na época, apenas cursava Engenharia de Transportes e Logística na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e isso lhe “sugava muito’’. Através do crochê, ela relaxa e se desliga dos problemas. Ju diz ainda que apesar de toda pressão, a arte manual alivia os problemas.

 

Dicas para quem quer começar a fazer crochê:

- Compre os materiais básicos os quais vai precisar, são eles: agulha 7mm, tesoura e, o mais importante, o fio de malha. 

- Prefira um fio macio e que não seja muito elástico. É bom sempre tocar no fio antes de comprá-lo. 

- Foque em executar bem o círculo mágico. Ele é a base para fazer cachepôs, sousplat e tapetes.

- Comece com itens pequenos e pontos básicos. Pratique bastante e encontre sua motivação para não desistir.

 

 

Jovem artista


Para Luana, a arte alivia frustrações da vida

Apesar de nova, Luana Terrem, 21, já se destaca com suas obras. Desenhando desde os 6 anos, ela transformou isso em profissão há quatro anos, criando quadros, pinturas e desenhos. A arte entrou na vida de Luana como uma forma de externar pensamentos e sentimentos.

 

Como e por onde começar? 

 - Tente descobrir um tipo de arte que lhe agrade. Pode ser um traço, um estilo ou uma forma de desenho. 

- Qualquer tipo de arte ou desenho requer prática, paciência e estudo. 

- Hoje em dia existem muitos guias de estudo e cursos, tanto presenciais quanto on-line. Com dedicação, qualquer um é capaz de conseguir, desde que pratique. O importante é não ficar parado. 

 

 

Opinião de psicóloga 


Jociane Pereira Stracke, psicóloga desde 2002, com especialização em Saúde do Idoso, Terapia Cognitivo Comportamental e Arteterapia.


“Toda criação artística apresenta uma importante função curativa e terapêutica. A arte amplia as possibilidades de expressão, além de distrair e entreter, o que é fundamental para todos nós. A atividade arteterapêutica é uma ciência voltada para a interpretação das manifestações artísticas, visando o autoconhecimento do sujeito”.
 
 





EDIÇÃO IMPRESSA


Edição 161 - Outubro de 2021

BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições
linda no face 2

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - (51) 3722-9600