linda insta

Reportagens Edição 156 - Maio de 2021

Jogando para viver


Guiza está iniciando como streamer

Cachoeirenses investem no mercado dos streams 

 

O termo streaming é muito usado no universo gamer e se refere ao ato de jogar ao vivo transmitindo para o mundo todo. Ao mostrar tudo em tempo real, coisa que não ocorre com partidas gravadas, proporciona aos fãs dos jogos uma sensação de proximidade. Muitos streamers vivem apenas disso, sendo convidados, inclusive, para experimentar jogos novos, divulgando e participando de grandes eventos. É uma profissão em evolução e a Linda conversou com dois exemplos de profissionais, um deles já consolidado e outro que está entrando no mercado.

 

Paixão que cresce com o tempo

Já Luis Guilherme Lopes Kovacs, 25, mais conhecido como Guiza, joga desde os 5 anos de idade, sendo um aficionado por jogos. Ele trabalhou em vários ramos, atualmente sendo safrista em uma indústria fumageira, mas teve a ideia de transformar o seu entretenimento em algo rentável há pouco tempo. Foram seus amigos que surgiram com a ideia dele passar seu conhecimento, as dicas que já dava, para mais pessoas e de maneira mais prática, através da plataforma Twitch. O streamer faz lives e interage diariamente com várias pessoas. Guiza geralmente faz streams de jogos de aventura, de plataforma e jogos Roguelike, mas, infelizmente, ainda não é possível para ele viver somente de streams, então concilia o trabalho com as partidas ao vivo.

 

Acumulando conquistas

André hoje é mais conhecido como Tiburcio

 

Streamer e youtuber há 4 anos, André Rossetto, 27, começou a jogar com o irmão e os primos quando tinha 11 anos e conta que sempre gostou de ficar em casa treinando para melhorar seus resultados nas partidas. Em 2017, quando cursava Engenharia Elétrica em Porto Alegre (RS), jogou contra um streamer famoso e foi muito bem. Com isso, fãs acabaram indo pedir para Tiburci0, como ele é conhecido entre os gamers, fazer vídeos e dar dicas sobre a arma que usava no jogo. Assim, iniciou um pequeno canal que foi crescendo. Ficou amigo deste youtuber e criaram um time juntos. Foi um longo processo que culminou em André liderando a equipe de um time amador, o qual virou o melhor da América Latina. Além de várias conquistas em território brasileiro, acabaram indo jogar em campeonatos mundiais fora do Brasil, em lugares como Suécia, França, três vezes nos Estados Unidos e em Lisboa, Portugal, onde ganharam um título europeu com premiação de 20.000 euros. André acabou optando por sair do time, que era de cinco contra cinco, após a  rotina se tornar estressante. Ele inclusive morou com os colegas durante 10 meses, em uma gaming house em São Paulo. Após um período fora do cenário competitivo, ele voltou a jogar, mas a sua intenção é ensinar quem quer melhorar, fazendo lives com dicas sobre o jogo CS:GO na plataforma Twitch.






EDIÇÃO IMPRESSA


Edição 161 - Outubro de 2021

BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições
linda no face 2

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - (51) 3722-9600