linda insta

Reportagens Edição 151 - novembro de 2020

Como está seu INTESTINO?


“O uso de óleos essenciais também ajudam no funcionamento do intestino”. Francine Giuliani /Jonathan Giuliani

As doenças e a cura partem dele 



Você sabia que nosso intestino é responsável por cerca de 80% das doenças que podemos desenvolver durante a vida? Quando ele não funciona corretamente afeta todo nosso sistema de defesa do corpo, ou seja, ficamos com a imunidade muito baixa! Vamos entender por quê! A Francine Giuliani, 34, biomédica esteta, com nove anos de atuação, vai nos ajudar a decifrar este enigma.

“Existe uma comunidade natural de microrganismos que vivem em harmonia (ou não) com nosso corpo e superam em número as nossas células. Uma flora intestinal saudável, onde há um equilíbrio entre bactérias benéficas e micróbios, ajuda a promover uma boa digestão e um sistema imunológico forte. Quando seu microbioma é mal alimentado e malcuidado, as bactérias patogênicas (as do mal) e os fungos tomam conta, deixando-o mais suscetível a doenças crônicas. “Esses microrganismos ativam os genes para inflamação. Se a barreira intestinal estiver danificada, alimentos mal digeridos e toxinas dos microrganismos podem atravessar essa barreira e chegar à circulação sanguínea”, explica Francine.

Mas, e agora, como podemos saber se nosso intestino está funcionando corretamente? A primeira dica é saber com que frequência você está evacuando e observar a qualidade das suas fezes. As alterações na cor e consistência não devem ser menosprezadas. 
 


DIGESTÃO EMOCIONAL


Provavelmente isso já aconteceu com você: comer quando está muito estressado e com as emoções à flor da pele. Com certeza não fará uma boa digestão daquele alimento e isso se chama digestão emocional. Para evitar que isso aconteça novamente, a dica da Francine é excelente: 
“É necessário digerir primeiramente aqueles sentimentos ruins como raiva, medo, ciúmes e rancor para então se alimentar adequadamente. Tendo consciência, foco no presente, mastigando várias vezes e cuidando a respiração enquanto come, fará toda a diferença”.


INTESTINO, SEGUNDO CÉREBRO


O intestino é responsável pela produção de 90% dos neurotransmissores de prazer e bem-estar do corpo, como a serotonina que age diretamente nas nossas questões emocionais, por isso é considerado nosso segundo cérebro, explica a biomédica. A ausência dessas substâncias no cérebro pode causar de mau humor a depressão.


ALGUNS SINAIS
QUE INDICAM
PROBLEMAS
INTESTINAIS
QUE AFETAM
A SAÚDE


* Dores generalizadas

* Incômodos gastrointestinais: gases, estofamento, intestino instável, azia e refluxo

* Problemas de pele: acne, alergias, psoríase e dermatites

* Problemas emocionais: ansiedade, mudanças de humor, irritabilidade, compulsão, desânimo e depressão

* Insônia

* Diabetes e hipotireoidismo

* Doenças autoimunes

* Obesidade e sobrepeso


Já vimos que precisamos dar muita atenção ao nosso intestino. De acordo com a Francine, precisamos rever nossos hábitos e algumas dicas são muito importantes para garantir a saúde intestinal. Entre elas: manejar o estresse praticando exercícios e meditação, dormir melhor, investir em comidas saudáveis e naturais, ou seja, evitar excesso de industrializados. Incluir suplementações de vitaminas e minerais conforme necessidade. Desparasitar e destoxificar. Cuidar o uso de medicamentos contínuos e realizar uma higiene bucal corretamente. Ao acordar, já raspe a língua antes de escovar os dentes e tomar água. Pode usar uma colher para isso. A saúde gastrointestinal começa pela boca. Toda aquela saburra branca que amanhece na nossa língua são toxinas que liberamos pela boca, por isso devemos raspá-la para não engolirmos novamente. 

A abordagem dos tratamentos de distúrbios gastrointestinais deve ser integrativa. Não tratando apenas os sintomas, mas identificando a causa. A ozonioterapia sistêmica ativa o processo de regeneração natural que ocorre em nível celular. “Se tratando de equilíbrio do corpo em geral, físico e emocional, emagrecimento e rejuvenescimento, ozonizar é uma ferramenta poderosa”. Francine Giuliani 

Não se esqueça! Beber água é uma peça chave para ter o intestino funcionando todos dias. Calcule a quantidade ideal de água (água não é chá e nem sucos) fazendo a multiplicação do seu peso por 35ml. 





BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições
linda no face 2

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - (51) 3722-9600