linda insta

Reportagens Edição 148 - agosto de 2020

SAÚDE ALÉM DA ESTÉTICA


“Não somos apenas um corpo físico, somos seres energéticos e como tal devemos cuidar do corpo, da mente e da alma para atingirmos o equilíbrio. Afinal, tudo está conectado”. Francine Giuliani /Jonathan Giuliani

Ozônio equilibra o organismo e melhora a autoestima 


 

“Não vejo a menor possibilidade de tratar um paciente de estética sem cuidar as causas que estão por trás daquela queixa externa”. Com nove anos de experiência em tratamentos estéticos, a biomédica FRANCINE GIULIANI, 34, utiliza hoje o ozônio como terapia para muitos de seus pacientes. Ela constatou na prática que tratamentos de manchas como melasmas, queda de cabelo, obesidade e gordura localizada estão totalmente relacionadas a distúrbios e processos inflamatórios que começam no intestino, responsável pelo bom funcionamento de outros órgãos e glândulas, como fígado e tireoide.

 

Apesar de toda a tecnologia dos aparelhos de estética, uma pessoa com a saúde em dia responde muito mais rápido aos tratamentos. “Melhorando a saúde intestinal aliando a processos de desintoxicação, reequilíbrio dos níveis de vitaminas e minerais através da alimentação adequada e suplementações, os pacientes têm uma melhora significativa nas questões físicas e emocionais. O uso de óleos essenciais, que são naturais, também auxilia com muita força neste processo”, diz Francine.


 
SAÚDE 
INTEGRATIVA
A ozonioterapia não trata sintomas. Sua principal função é recuperar a saúde de forma natural e completa.  “Ela trata o paciente e não a doença. Vai à raiz dos problemas. Busca entender os gatilhos da disfunção e através de um conjunto de terapias ajuda o paciente a equilibrar seu corpo, aumentar sua autoestima e ter seu fluxo de energia renovado”, fala Francine Giuliani.  


ONDE O OZÔNIO PODE AJUDAR? 

* Acnes e hipercromias (manchas pós inflamatórias)
* Olheiras, melasmas e cicatrizes
* Para rejuvenescimento e revitalização facial, do pescoço e colo
* Redução de medidas (gordura localizada, celulite, flacidez)
* Queda capilar, calvície e unhas fracas

É utilizado, também, no tratamento alternativo e 
complementar para doenças, como: 

* Problemas respiratórios (sinusite, renite, asma)
Inflamações intestinais e distúrbios gastrointestinais
* Herpes, feridas, úlceras e escaras, queimaduras e alergias
* Infecções recorrentes por fungos e bactérias (candidíase de repetição)
* Autoimunes (como lúpus, esclerose múltipla, tireoidites, diabetes, artrites e outras)
Dores agudas e crônicas (enxaquecas, fibromialgia)  





Antes e depois de paciente com hipotireoidismo, na faixa dos 60 anos, após seis sessões de ozonioterapia local e sistêmica. Manteve o mesmo peso, reduziu gordura localizada e gordura visceral, diminuiu a queda de cabelo e aumentou sua disposição


“No processo de envelhecimento e emagrecimento, o tratamento com o ozônio não mascara os defeitos da pele e não dá efeitos instantâneos, e sim normaliza as funções de dentro para fora. Dessa forma, os resultados são mais sustentáveis e seguros que outras técnicas”. 
 
 
 
POR QUE O OZÔNIO É TÃO BOM? 

São inúmeras as justificativas para ele, mas vamos citar algumas vantagens que ele traz:
* Anti-inflamatório
* Antisséptico (bactericida, fungicida e virucida)
* Modulação do estresse oxidativo (envelhecimento)
Ativação do sistema imunológico, efeito regenerador e protetor
* Melhora da circulação periférica e da oxigenação de tecidos
* Reequilíbrio de fatores hormonais e destoxificação (eliminação de toxinas)
Aumento da disposição e melhora na qualidade do sono





BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições
linda no face 2

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - (51) 3722-9600