linda insta

Reportagens Edição 145 - abril de 2020

Corpo dos sonhos


Kelen Freitas: “O Manthus e a drenagem linfática agem no sistema linfático, estimulando-o a trabalhar de forma rápida”/Niágara Opção 3

Técnicas para a redução de medidas 


 
Você sonha em ter um corpo livre de gorduras localizadas, inchaço e celulites? Pois é possível através da combinação de duas técnicas que estão em alta no mercado da estética: o ultrassom de alta potência Manthus e a drenagem linfática. Essas terapias combinadas diminuem a retenção de líquidos e toxinas, ativam a circulação sanguínea, diminuem o inchaço do corpo e melhoram a textura da pele. É o que explica a empresária Kelen Santos de Freitas, 33, diretora da D’pil, que esclarece as principais dúvidas sobre o método: 
 
 
COMO FUNCIONA 

* Tanto o ultrassom de alta potência do Manthus quanto as manobras de massagem da drenagem têm como finalidade esvaziar os depósitos de gordura para que as toxinas sejam encaminhadas para o sistema linfático. “Desta forma, toda a retenção hídrica em excesso será eliminada através das vias urinárias”, destaca.
 
BENEFÍCIOS 
 
* Eliminação de líquidos acumulados
* Redução de gordura localizada
* Diminuição da celulite e combate a flacidez 

EFEITO PROLONGADO 

* Cada sessão de drenagem linfática e Manthus dura em média uma hora. “Em casos onde se apresente recorrente retenção de líquidos no organismo recomendamos duas sessões por semana. Os primeiros resultados do Manthus já podem ser vistos a partir da terceira sessão de tratamento e são progressivos. Este tratamento alcança melhores resultados quando é utilizado em conjunto com uma dieta balanceada a prática regular de atividade física”, frisa.

PARA QUEM É INDICADO

* Pessoas com celulite de graus 1, 2 e 3
* Com gordura localizada e retenção de líquidos
* Período pré e pós-operatório de cirurgia plástica para melhorar o contorno corporal

 
RESTRIÇÕES 
(casos não permitidos): 
* Gravidez; câncer ou em tratamento para o câncer; doenças descompensadas (hipertensão, diabetes e cardiopatias); doenças autoimunes; afecções cutâneas; edemas não identificados; mulheres com DIU de cobre. Em caso de prótese, placas ou parafusos metálicos no corpo; flebite e trombose venosa profunda.





BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições
linda no face 2

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - (51) 3722-9600