Moda EDIÇÃO 45 - MARÇO 2011

Eles são 10 na produção


LINDA divulga o ranking exclusivo dos homens mais bem produzidos de Cachoeira do Sul

Depois da lista das 10 mulheres mais bem produzidas de Cachoeira do Sul, publicada na edição de novembro da revista LINDA, é a vez de saber quem lidera o ranking entre os homens da cidade. Através de uma pesquisa inédita, LINDA buscou em um júri qualificado para falar sobre moda, quem se destaca quando o assunto é bem vestir. Assim como na eleição das mulheres, o requisito fundamental para ser votado era saber fazer uma bela produção – nada tendo a ver o voto com beleza, profissão, destaque social ou ainda idade. Confira os eleitos e o que eles falam sobre moda.


1º lugar

Josué Porto Oliveira
Médico ginecologista e obstetra
48 anos

Receita de sucesso – É se vestir de acordo com a sua personalidade e não conforme as convenções. Por exemplo, dizem que médico tem que ser convencional, mas eu gosto do diferente, então não raro é possível me ver atendendo com um tênis verde e isso não afeta a competência de ninguém.

Vaidades – Me considero vaidoso, afinal a gente precisa gostar do que vê no espelho. Claro, sem se tornar escravo da estética, afinal ninguém é perfeito. Uso creme e já fiz implante de cabelo.

Cores – Adoro vermelho e só não uso cores muito extravagantes, como os tons fluorescentes.

O que de bom gosto na hora de se vestir – Bom senso.

O que é cafona – Misturar estilos em uma única produção, por exemplo, uma bermuda clássica com uma camisa social e nos pés meia soquete e tênis esportivo.

Peça curinga do guarda-roupa –
Calçados.

Maior extravagância em consumo – Um relógio Oakley, foi caro, mas de vez em quando temos que nos presentear.

Marcas favoritas – Gosto do que é diferente. Nas roupas uso Carmim e Doc Dog. Já para calçados gosto muito da Osklen.












2º lugar


João Ricardo dos Santos Tavares
Promotor de Justiça
41 anos

Receita de sucesso –
Usar o que combina com seu estilo e que seja confortável. É preciso observar também o que pede a sua profissão, como promotor de Justiça, preciso optar sempre pelo formal.

Vaidades – São poucas. Uso sempre creme de barbear e o mesmo perfume há 25 anos, o Kouros da Yves Saint Laurent.

Cores – Uso muito a cor preta e passo longe dos tons extravagantes.

O que é de bom gosto na hora de se vestir –
Sentir-se bem com a roupa escolhida, sem querer usar o que não favorece ou não gosta só porque está na moda.

O que é cafona –
Não gosto de ternos de cores vibrantes, sempre opto por tons sóbrios, mas isso é um gosto meu. Não quer dizer acho cafona em quem usa.

Peça curinga do guarda-roupa – Terno de cor escura, só muda a gravata e a camisa e está pronta uma nova produção.

Maior extravagância de consumo – Um terno da Hugo Boss, mas valeu a pena.

Marcas favoritas – Não tenho preferência. Compro o que gosto, independente da marca.









3º lugar

Toni Rogério Pacheco de Freitas

Corretor de imóveis, 49 anos

Receita de sucesso – As roupas têm que ter qualidade e uma boa modelagem. Gosto de peças despojadas, mas com um jeito cuidado.

Vaidades – Gosto de tudo o que for para melhorar a aparência. Um cabelo bem cortado e hidratado já faz uma grande diferença na imagem.

Cores –
Gosto de cores mais neutras e clássicas, nada de extravagâncias, como um amarelo fluorescente, pois chama muito a atenção.

O que é de bom gosto na hora de vestir –
Calça jeans com um belo corte, camiseta básica e camisa polo.

O que é cafona – Blazer xadrez largo e calça de microfibra. E sapato branco só se for para médico.

Peça curinga do guarda-roupa – Camisa branca e camisetas básicas pretas e brancas.

Maior extravagância de consumo –
Um perfume francês.

Marcas favoritas – Iódice, Forum, Colcci e Triton.









4º lugar

Vinicius Cruz
Gerente administrativo
22 anos

Receita de sucesso – Vestir-se de acordo com a ocasião. Por exemplo, se vai a uma formatura, o terno é a opção para nunca errar.

Vaidades – Só perfume e uma cera para arrumar o cabelo.

Cores – Gosto de cores alegres, vivas. Não gosto de cinza e bege.

O que é de bom gosto na hora de se vestir –
Camisa e camiseta polo sempre ficam bem.

O que é cafona –
Querer inventar moda, misturando estilos. Por exemplo, acho de péssimo gosto usar terno com tênis.

Peça curinga do guarda-roupa – Camisa listrada.

Maior extravagância de consumo – Nenhuma. Se achasse extravagante não compraria.

Marcas favoritas – Dudalina, Ellus, Ralph Lauren, Tommy Hilfiger e Calvin Klein.






5º lugar

Pelópidas Bernardi

Empresário e advogado
40 anos

Receita de sucesso –
Usar sempre o que faz sentir-se bem e confortável, tanto fisicamente (nada apertado ou exagerado), como adequado ao horário e ao evento em que está.

Vaidades –
Na realidade não considero vaidade, mas de vez em quando um gel no cabelo e ao sol sempre uso filtro solar.

Cores – Gosto muito de preto e cores escuras, porque sempre caem bem. Não gosto muito de cores berrantes, como vermelho e amarelo.

O que é de bom gosto na hora de se vestir – Gosto de usar blazer à noite, porque não é nem muito rigor e nem muito informal.

O que é cafona – Se a pessoa está feliz e se sente bem, nada é cafona. No entanto, considero inadequado roupas muito largas para pessoas muito magras ou muito apertadas para os mais reforçados.

Peça curinga do guarda-roupa –
Sapatos CNS. São modernos e clássicos, servem para o dia-a-dia e para a noite. Enfim, o aproveitamento é total.

Maior extravagância de consumo – Comprar um terno sem necessidade imediata, apenas pela atração de uma vitrina bonita.

Marcas favoritas –
Gosto de ternos Brooksfield, Happy Man e Aduana. Camisas Bavardage e Hugo Boss, camisas polo da Tommy Hilfigher e calças jeans Cavalera, Armani e Ellus.










6º lugar

Benedito Caldas
Cirurgião-dentista
56 anos

Receita de sucesso – Vestir o que nos faz sentir bem, independente de estar na moda ou não.

Vaidades – Quase nenhuma, só cera no cabelo e um xampu específico para que os fios não fiquem amarelados.

Cores – Gosto muito do cinza, por ser um tom sóbrio, e não gosto de marrom, pois acho que não me favorece.

O que é de bom gosto na hora de se vestir – Vestir peças de qualidade. É melhor comprar uma peça com um bom corte e, portanto, mais cara, do que várias peças pelo mesmo preço, mas que perdem em qualidade.

O que é cafona – Não gosto de calças com cintura muito alta.

Peça curinga do guarda-roupa –
Calça jeans, camisetas e camisas esportivas de manga longa.

Maior extravagância de consumo – Não tenho. Não saio comprando tudo o que vejo e quando compro é porque vale a pena.

Marcas favoritas –
Calvin Klein, Armani e Abercrombie.






7º lugar

Vinícius Ache Ribeiro
Empresário, 21 anos

Receita de sucesso – Acho que deve-se vestir condizentemente com a sua personalidade, não importa o quão diferente ou chocante for.

Vaidades – Não tenho nenhuma vaidade. Saio para rua com o cabelo do mesmo jeito que acordo.

Cores –
Todas as cores são usáveis dependendo da combinação. Se eu acho que ficou legal, eu uso.

O que é de bom gosto na hora de se vestir – Camisa, jeans e sapato.

O que é cafona –
O exagero.

Peça curinga do guarda-roupa – Camisas.

Maior extravagância de consumo – Encomendar roupas a minha prima que mora nos Estados Unidos.

Marcas favoritas – American Eagle, Abercrombie, Hollister, Ralph Lauren, Ellus, Dudalina, Tommy Hillfigher e Diesel.


















8º lugar


João Vicente Machado Reis

Estudante
17 anos

Receita de sucesso – Se sentir bem com a roupa que usa, claro sem muitas extravagâncias.

Vaidades – Sou vaidoso. Vou frequentemente ao salão fazer tratamentos nos cabelos e cuido muito da minha pele.

Cores – Azul é a minha cor favorita. Não usaria de jeito nenhum roupas estampadas, pois não acho legal.

O que é de bom gosto na hora de se vestir – Calça jeans e uma camisa polo. Não saio de casa sem relógio e perfume.

O que é cafona – Cores e roupas que não combinam, por exemplo, terno com tênis.

Peça curinga do guarda-roupa –
Camisa polo, sem dúvida.

Maior extravagância de consumo – Comprar três pares de tênis de uma só vez e não usar nenhum.

Marcas favoritas –
Colcci, Calvin Klein, Ellus, Nike, Tommy Hilfigher, Quiksilver e Giorgio Armani.










9º lugar

Roniflávio Bonel Bragamonte

Advogado e corretor de imóveis, 41 anos

Receita de sucesso – É fundamental se vestir bem para si mesmo, sair de casa e saber que para qualquer momento do dia estará apresentável.

Vaidades – Não sou vaidoso com a aparência, mas cuido muito da saúde, por isso faço exercícios físicos. Só não saio de casa sem perfume, se esqueço volto para colocar.

Cores – Não tenho cor favorita, uso mais as neutras. Não gosto de cores muito chamativas como laranja ou verde-limão.

O que é de bom gosto na hora de se vestir – O que seja confortável.

O que é cafona –
Um terno branco.

Peça curinga do guarda-roupa – Não tenho nenhuma roupa como curinga. Só o perfume que considero indispensável em todas as produções.

Maior extravagância – Um relógio Giorgio Armani.

Marcas favoritas – Jeans Brooksfield e Fideli, camisa Individual e terno NG.
















10º lugar


Maison Baierle Marques

Empresário e produtor de eventos
26 anos

Receita de sucesso – Acredito que cada um tenha que seguir sua personalidade, seu jeito de ser, ou seja, criar um estilo próprio e adequado às ocasiões.

Vaidades –
Procuro cuidar do meu cabelo, cortando-o uma vez ao mês e utilizando uma cera para deixá-lo mais moderno.

Cores – Branco, preto e cinza são minhas favoritas. Não uso nunca marrom porque realmente não gosto desta cor.

O que é de bom gosto na hora de se vestir – Saber jogar roupas básicas com peças e acessórios diferenciados.

O que é cafona –
Não saber o seu estilo próprio. Também acho cafona quando os homens usam roupas muito grandes ou sem um corte bacana.

Peça curinga do guarda-roupa – Camisetas básicas e camisa branca.

Maior extravagância de consumo –
Cintos e algumas calças jeans.

Marcas favoritas – Calvin Klein, Triton, Carmim e Iódice.



QUEM MAIS FOI VOTADO

Airton Brum, Alexandre Trindade, Álvio de Borba Vivian, André Beskow, André Moreira, Ângelo Furian Pontes, Antônio Furlaneto, Athos Anchieta Filho, Carlos Eduardo Florence, Claudio Carvalho, Cleber Schumacher, David Hatsek, Guilherme Steffens, Gustavo Delgado, Gustavo Pereira Silveira, Hilton De Franceschi, Homero Tatsch, Ivan Bartmann, Ivo Becker, Jéferson Silveira Reis, João Carlos Scarparo, João Pedro Florence, José Cesar Gaspary, José César Pereira Filho, José Otávio Germano, Lauro Lima, Loir de Oliveira Filho, Luciano Feldmann, Marcelo Trevisan, Mateus Freitas, Mateus Simão, Matheus Hickmann, Nelson Moreira, Paulo Bonnel, Paulo Ricardo da Rosa Machado, Pedro Albuquerque, Renan Castro, Rodney Zinn de Carvalho, Rogério Nunes Severo, Rudnei Karsburg, Serafim Freitas, Soni Marques e Valter Feldmann.


QUEM VOTOU

Candice Rohde – relações públicas
Helena Vieira da Cunha – colunista social
Liziane Larrondo – empresária de moda
Marisa Silva – fotógrafa
Neida Rodrigues – empresária de moda
Nelson Moreira da Silva – empresário de moda
Ângela Carvalho – empresária de moda
Redação da revista LINDA
Rodrigo Kury – Maquiador
Rosimere Moraes – consultora de etiqueta








BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601