Diário de viagem Edição 84 - setembro de 2014

Vitor em BOLZANO


Foi através de um convênio entre universidades que o estudante de Relações Internacionais Vitor Peixoto Schaurich, 23, passou seis meses na Itália, de setembro de 2013 a março desse ano. Ele morou em Bolzano, cidade no nordeste do país europeu.

 

 

 

 

 

 

Bolzano, cidade com cerca de mil habitantes

 

 

 

 

 

 


 


Vitor em Veneza:
“Uma das cidades próximas que vale a pena visitar é Veneza”



Bolzano, cidade italiana que fica na província de Tirol do Sul



Há anos Bolzano é considerada uma das três cidades com maior qualidade de vida da Itália




Italianos


Eles nos tratam de forma bem positiva. Acontecem casos de estupidez com estrangeiros que não falam italiano, porém são exceções.



 

Alimentação


Massas, pizzas ou risotos são pratos comidos diariamente. As pizzas são de tamanho individual, com pouco recheio e poucas opções de sabores. Um hábito de alimentação: usam um prato para salada, um para massa e um para arroz ou carne. Não gostam da mistura de sabores.



 

Hábitos


O horário de fechamento de um supermercado lá normalmente é às 19h. Eles desligam as luzes e todos os funcionários preparam-se para ir embora, forçando os clientes a finalizarem suas compras. Não há margem nenhuma para atraso.



 

Antes de ir


É importante ter o italiano afiado, nem que seja o básico, porque nenhuma outra língua é dominada pelos italianos, nem o inglês. Em Bolzano, o alemão também ajuda.



 

Trens


Me diziam que andar de trem na Europa seria barato, mas não conte com isso se for viajar por lá.



 

Estudo


A universidade de Bolzano, assim como muitas na Europa, não controla a assiduidade dos alunos, o que é favorável aos estudantes, que podem se envolver em diversos tipos de atividades.



 






BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601