Diário de viagem Edição 74 - outubro de 2013

MARIA EDUARDA NA ALEMANHA


Em dezembro de 2011, Maria Eduarda Michelin, 20, embarcou para Munique, na Alemanha. Ela já tinha visitado a cidade e viu oportunidades para voltar e fazer um curso intensivo de alemão. Ela ainda está lá estudando e não sabe quando voltará.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Prefeitura de Munique: considerada o coração da cidade

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 




“Brandenburger Tor”, em Berlin



Café brasileiro: para matar a vontade de comer algo do Brasil



Maria Eduarda e o namorado, Jonathan Eberhard, 23, estudante de Medicina, na Oktoberfest



 

VIVER NA ALEMANHA

A regra geral é organização. Por exemplo, nas escadas rolantes deve-se posicionar no lado direito para que o lado esquerdo fique liberado para quem tem pressa. Uma curiosidade: não há limite de velocidade nas estradas. Outra coisa que me chamou a atenção é que os alemães costumam assoar o nariz (alto) em qualquer lugar, mesmo na mesa. Fiquei espantada também com o “Freikörperkultur” (cultura do corpo livre), que são espaços na cidade destinados a pessoas que querem ficar nuas. Esses espaços ficam em lugares turísticos, ou seja, qualquer um pode ver.


ALEMÃES


Os bávaros (Bavária é um estado cuja capital é Munique) são um dos povos mais amigáveis da Alemanha. A imagem que eles têm do Brasil melhorou muito e não entendem porque nós só apontamos os lados negativos da nossa nação.


OKTOBERFEST

Estas festas são muito mais visitadas por turistas do que por alemães. Nunca vi nenhuma cuca para vender aqui.


AMIZADES

O melhor lugar para fazer amizades na Bavária é em um “biergarten”, que em português se traduziria por “jardim de cerveja”. As pessoas sentam todas juntas em mesas e bancos de madeira e bebem em copos de meio litro ou de um litro. A cerveja nunca é servida gelada.


CAFÉ DA MANHÃ


Salsicha branca, mostarda (normal e doce), um pão típico do estado, o “brezel”, e meio litro de cerveja branca. Esse é o típico café da manhã.


A CIDADE


Além de linda, é segura, limpa e investe muito em cultura. Não tem trânsito caótico e nem pichações.


ENSINO

Funciona basicamente assim: existem três ensinos médios e o melhor deles é chamado de “gymnasium”. Os alunos são divididos entre eles através de suas notas, no final do ensino fundamental. Teoricamente, somente os que foram para o “gymnasium” conseguirão uma vaga na universidade e para os outros existem outras opções, como cursos técnicos.


 






BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601