Expresso EDIÇÃO 39 - AGOSTO 2010

TOQUES


Como agir na  hora do luto

Velório: esse talvez seja um dos assuntos mais difíceis de ser tratados, por isso atenção nas manifestações de pesar.

. Frases como “eu sei o que é isso”, “entendo seu sofrimento”, “sei o que você está sentindo”, não têm efeito algum. Ninguém sabe, ninguém entende o sofrimento do outro, por mais que já tenha passado por isso. Cada um sofre e sente a sua maneira. Evite.

. Não interprete os fatos e não tire lição de moral para dar ao outro. Evite usar “poderia ter sido pior”, “pelo menos ele/ela não sofreu”.

. Ofereça sua companhia à pessoa enlutada, mas não tenha a pretensão de acabar com seu sofrimento. Ela precisa superar a dor.

. Sempre compareça aos velórios. Não se engane, sua presença ou ausência será notada.  Caso não possa, envie um telegrama ou cartão.

. Por mais íntimo que você seja, procure comparecer ao velório, ao enterro e/ou à missa de sétimo dia. Evite visitas em casa.

. Não fique o tempo todo lembrando a perda. Sempre que encontrar a pessoa enlutada cumprimente-a naturalmente e demonstre sua alegria de tê-la por perto. Aja como gostaria que agissem com você.

. Lembre-se, principalmente nesse momento, seja discreto. Não tente aparecer a qualquer custo. Aproxime-se da família enlutada e um simples “sinto muito” pode dizer muita coisa, principalmente se dito de coração.

Fonte: site Stile




DICA


Para evitar que as lágrimas na hora de picar cebola deixe-a no congelador por um período de 10 a 15 minutos antes de cortar.











FRASE

"Só é possível amar a rosa se considerar os espinhos que ela carrega.
Amor que não considera defeitos? Acho que não é amor".


Padre Fábio de Melo







Li e recomendo


Rita Ribeiro
45, professora e funcionária pública 


Título
“O demônio do meio-dia” 
Autor

Andrew Solomon


“Um livro envolvente, sagaz, construtivo e humano, onde Solomon faz uma investigação ampla e minuciosa sobre a depressão, uma das síndromes que mais aflige a humanidade nos dias de hoje. O autor revela o papel vital da vontade e do amor no processo de recuperação da doença”.



Vi e recomendo


Rafael Figueiredo
28, proprietário de locadora  


Título
“Zona Verde”
Diretor
Paul Greengrass



“Para quem gosta de drama, esse é um ótimo filme. Conta a história de uma equipe designada para achar armas de destruição em massa supostamente guardadas no Iraque. O comandante vai precisar encontrar respostas que ora acabarão com um regime nocivo ora propagarão uma guerra em uma região instável”.



Para sempre


Clari Maria Brum Lima

Clari formou-se em 1973 no curso de Letras, tendo atuado como professora de Língua Portuguesa, profissão pela qual se aposentou há13 anos. Hoje, aos 57, ela dedica seu tempo em prol de trabalhos voluntários e sociais. Clari é presença ativa na Liga Feminina de Combate ao Câncer, entidade da qual foi presidenta e vice-presidenta, sendo atualmente a diretora social. Ao lado do marido, o tabelião Lauro da Silva Lima, ela integra a executiva da Fenarroz há mais de 10 anos e o Lions Cachoeira do Fandango há 32. Clari é mãe do Diego, 27, e avó do Guilherme, 11, e Alan, 5.


1970 - Clari Maria Herzer Brum




MEUS ENDEREÇOS

Gastronomia: Ponto de Cinema e El Fogon pelo ambiente e qualidade.

Viagem: Trancoso (BA), em especial a Praia do Espelho, que é indescritível. Esta viagem teve um sabor especial por ter sido em comemoração ao primeiro aninho da minha filha Valentina.

Moda: Bartz, pelas ótimas marcas.

Lazer: Château d'Eau, especialmente quando está decorado em datas especiais, e a pracinha do Bairro Soares, que está linda, impossível não desfrutá-la em um belo dia de sol.

Descanso: sem dúvida em minha casa, meu local preferido sempre. Lá é o lugar perfeito para ler bons livros, receber alguns amigos e principalmente recuperar as energias curtindo a minha família amada.

Flaviane Zachazeski Feldmann, 30, advogada






POR ONDE ANDA


João Luiz Pedroso Lorenz


Desde 2003, João, 33, está morando em Porto Alegre onde trabalha em uma concessionária autorizada da Fiat. Estudou no Colégio Imaculada Conceição, concluindo o ensino médio na Rede Cipel. Prestou serviço militar de 1996 a 2003 no 13º GAC. Quando residia em Cachoeira do Sul, o que mais gostava de fazer era reunir os amigos em churrascos e pescarias. O amor a terra natal e laços de família o fazem sempre que pode visitar a cidade. “Vim para cá buscar oportunidades, mas tenho muito orgulho de Cachoeira”.









MODA


Para quem sempre teve dúvidas sobre usar duas peças em jeans no mesmo look aí vai a resposta: misturar as duas peças pode, a questão é saber como usar. Para começo de conversa, ambas as peças devem ser da mesma lavagem e cor, por exemplo, jeans azul com uma jaqueta azul ou o jeans preto com uma jaqueta em índigo preto. De qualquer modo, ao sair de jeans total, não caia na overdose usando sandálias ou bolsas combinando.  Fica excessivo.








JÁ PENSOU?

Não guarde as colheres de pau em gavetas ou lugares fechados, com pouca ventilação. Dentro de um bule, em um local banhado pelo sol, as bactérias não irão se proliferar e os objetos farão parte da decoração da cozinha.




AGENDA

Programe-se para agosto


6, 7 e 8 – Planet Cicle no Parque Ivan Tavares
7 – Jantar em comemoração aos 114 anos da SRB
8 – A Praça é Nossa no Parque Ivan Tavares
11 – Espetáculo teatral “Dentro Fora” na SRB
27 – Jantar Noite Pró-asilo, no centro atividades do Asilo Nossa Senhora Medianeira





BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601