Expresso EDIÇÃO 29 - SETEMBRO 2009

TOQUES


Rituais indianos que purificam a vida

 

Faça uma puja para se proteger
Se você é devoto de algum santo ou divindade, faça um pequeno altar no seu quarto e encha-o de flores e incensos. Sempre que puder, ore nesse canto, pedindo proteção.


Organize-se antes de começar o dia
Vai preparar o almoço, o jantar ou mesmo um lanchinho rápido? Experimente antes organizar seus utensílios de cozinha, separar todos os ingredientes, picar os alimentos e lavar a pia. Isso vai garantir o sucesso das suas receitas.


Fique em jejum para purificar o corpo
Você também pode fazer um jejum para desintoxicar o organismo, limpar a pele e purificar a mente. Só não vale descuidar da hidratação: durante o dia do jejum, tome muito líquido. Se fizer tudo certinho, ainda termina o dia mais magra.


Ilumine a casa e atraia a prosperidade
Tudo na terra de Gandhi é luz. Por isso, a lamparina acesa é um símbolo tradicional do país. Encha seu lar de bons fluidos colocando uma vela num difusor com óleo de eucalipto. Outro bom aroma é o de cânfora que transmite tranqüilidade.


Deixe a deusa despertar seu desejo
Encha a cama e o quarto com flores, hidrate a pele com óleo de amêndoas e vista-se só com um par de brincos e um lenço colorido. Deixe a deusa tomar conta de você.


Ensine seus filhos a respeitar os avós
Desde pequenos, os indianos são ensinados a tocar os pés dos idosos. É um sinal de respeito pelo caminho que eles percorreram. Conte a seu filho a história de sua família. Eles se sentirão motivados pelas aventuras de antigamente, não precisa fazê-los beijar o pé do vovô, mas que tal incentivá-los a dar aquele abraço gostoso?



 

 

DICA


Para amolecer uma carne dura, basta juntar algumas gotas do caldo do abacaxi ao cozinhá-la. A diferença é grande.






 

 

FRASE


"Já fui traída. Eu e a torcida do Flamengo. É ruim ter confiança em uma pessoa e ela puxar seu tapete."
Dira Paes, atriz

 







Li e recomendo



Vera Beatriz Machado de Freitas
70, professora


Título
“Cartas entre amigos”
Autor

Fábio de Melo e Gabriel Chalita

 


“O livro traz algumas experiências e medos contemporâneos: a morte, a solidão, certas angústias e o sofrimento. Além de temas confortantes como amor, amizade e poesia. Nos faz pensar sobre o sentido da vida através da abordagem de valores e avaliações sobre o ser humano e amizade. Uma de suas lições é que um bom amigo sempre aceita as nossas diferenças”.




Vi e recomendo


Luciano Pacheco
31, empresário


Título
“Um sonho de liberdade”
Diretor
Frank Darabont



“O filme é surpreendente do início ao fim. Um homem bem-sucedido tem a vida radicalmente alterada quando é mandado para prisão por ter assassinado sua mulher e o amante. Nisso inicia todo um drama para descobrir os fatos e o desfecho é excelente. Algumas cenas são reais. Vale a pena assistir, é o melhor filme que já vi”.




 Para sempre



Ana Scarparo Sório


Mais conhecida como Julieta Sório, seu apelido de infância que acabou se configurando como seu nome para muitos, estudou no Instituto João Neves da Fontoura, onde cursou Magistério. Foi professora do Colégio Imaculada Conceição e lecionou na rede municipal durante 19 anos. Entretanto, apesar de ser formada em Belas Artes, ela dedicou boa parte da vida ao comércio, atuando na administração da empresa da família, a Casa Sório. Hoje aos 79 anos de idade, Julieta segue na ativa, trabalhando diariamente na loja da Rua Sete de Setembro. Casada com Erni Sório, 83, é mãe de Eliana, 55, Erni, 50, e Geraldo, 49.



 

1947 - Anna Scarparo




MEUS ENDEREÇOS


Gastronomia: Pizza do Ponto de Cinema. Feita no forno a lenha, fica saborosa e a massa no ponto ideal. Com borda recheada, melhor ainda se for com o atendimento do garçom Antoninho.


Moda: Bartz, desde sempre. Tem tudo o que preciso e boas condições de pagamento.


Lazer: Locadoras de vídeo: Sétima Arte e Vídeo Clip, ambas pela variedade de filmes e pelo atendimento diversificado.


Descanso: Sauna Hamburgo Hotel, onde posso relaxar e parar para descansar.


Carlos Dreyer
43 anos, assessor de comunicação



 

 

POR ONDE ANDA


Emili Radünz


Fora de Cachoeira desde 1999, Emili Radünz, 26, morou um ano e meio em Porto Alegre e depois mudou-se para São Paulo para desempenhar a carreira de comissária de bordo da TAM. Por lá também trabalhou em shopping e foi recepcionista de eventos e feiras. Formada em Publicidade e Propaganda desde 2007, ela atua hoje como coordenadora e produtora de eventos da empresa líder no mercado nacional de iluminação, a Stage Luz e Magia. Entre seus trabalhos está a iluminação de eventos, como o São Paulo Fashion Week. Filha da gerente do Sesc/Cachoeira Marilde Oliveira, Emili visita ao menos uma vez ao ano Cachoeira. “Não tem dia nem hora nessa carreira, mas já estou adaptada à rotina de trabalho e à correria de São Paulo. Me sinto feliz e realizada”, observa.




 

 

MODA


Invista em um bom cinto para estilizar a roupa. Esse acessório ajuda a transformar uma produção básica em algo mais arrojado. Use com camisas longas, vestidos, sobreposições e em todas as dimensões desde o mais fino e delicado ao mais largo.



 

JÁ PENSOU?


Os caixotes que eram da feira agora estão no banheiro. Usados como pequenos armários, além de economizar espaço, decoram com criatividade. Se acabar o papel ou toalhas, recorra ao armário sem portas.




 

AGENDA


Programe-se para setembro


Dia 12 - Baile romântico na Sociedade Rio Branco (SRB) com show de tango
Dia 13 - Baile de máscaras na SRB com Grupo Essência
Dia 18 - Canto do Jacuí do Colégio Marista Roque, no CTG José Bonifácio Gomes
- Sexta Nobre, na SRB.
Dia 25 - Festa Teen, na SRB.

 

 






BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601