Expresso Edição 94 - agosto de 2015

Túnel do tempo


LUCIANE BRUM MOREIRA, 47, psicóloga, bióloga e presidenta da Liga Feminina de Combate ao Câncer, mostra seu álbum de fotos para LINDA. Ela é casada com Albery Moreira, 55, mãe de Marina, 17, e Mateus, 31, e vó da Isabela, 5, que é filha de Mateus e Mônica Sant’Ana, 31.



 

 

 

Hoje

 

 

 

 

 

1 ano



Aos 16 anos, em seu casamento




30 anos



Em sua formatura, aos 44 anos





Feliz aniversário!

Aniversariantes de agosto




Dia 15 
Konstans Steffen, 30 anos




Dia 20  
Luana Preuss, 19 anos



Dia 27  
Jéssica Caldas, 23 anos



Dia 28   
Walter Luchese Willig, 30



Dia 31   
Jorge Augusto Lima dos Santos, 45





Dica


Higiene bucal começa cedo. Deve-se limpar a boca do bebê desde o nascimento com um pano limpo molhado com água filtrada ou fervida.





Toques

DICAS PARA AQUECER SEU BICHINHO DE ESTIMAÇÃO NO INVERNO


. Banho – Depois do banho lembre-se de secá-lo bem para protegê-lo do frio e da umidade.

. Passeios – Ao sair opte por horários mais quentes. Para saber se estão com frio, veja se a patinha está mais gelada. Evite sair à noite.

. Proteção – Proteja os pets do vento e da chuva. Para os que têm pouca pelagem, invista em roupinhas.

. Vacinas – Mantenha a carteira de vacinação em dia. Doenças que lembram a gripe dos humanos por alguns sintomas semelhantes, como a tosse canis (em cães) e a rinotraqueite (em gatos), podem ser graves.

. Umidade –
Quando está baixa, os cães e gatos podem apresentar sintomas parecidos com os dos humanos, como coceiras nos olhos, boca seca, dificuldade para respirar e desidratação. Fique atento.

. Comida – Assim como nós, eles comem mais no inverno. Converse com o veterinário sobre a possibilidade de adotar uma ração menos calórica, nem que seja misturada à ração comum.



 

 

 

 

 

 

Por onde ANDA Mariara Silva

A jornalista Mariara Silva, 36, mora há três anos em Brasília, onde trabalha no Senado Federal. Ela é assessora de imprensa de um senador e entre suas atividades está a produção de programas de rádio e televisão. Ela saiu de Cachoeira do Sul em 1991 para morar em Santa Cruz do Sul e lá se formou em Jornalismo. Em 2003 se mudou para Cascavel (PR), onde deu aulas por nove anos e foi coordenadora dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda. “Quando estou em Cachoeira adoro fazer fotos do Chateau d´Eau. Sinto saudades da minha família, dos amigos da minha adolescência e do Carnaval na Sociedade Rio Branco”, observa.





 

 

 

 

 

 

Meus endereços

ADRIANA CAPRIOLI MACHADO
49, professora


Gastronomia – Em Cachoeira, El Fogon, em Santa Maria, Rincón Parrilla, e em Florianópolis, Marquês da Lagoa.
Viagem – Montevideo e Punta del Este. Também Recife, Gramado e Linhares (ES), onde mora meu filho.
Moda – Em Cachoeira, compro na Marly Maison e na Bartz. Em Porto Alegre, compro na Luigi Bertolli, Zara, C&A e Renner.
Lazer – Adoro viajar e conhecer lugares e culturas diferentes, reunir e jantar com os amigos e ir na Pracinha do Soares.
Descanso – Tomar um bom chimarrão, assistir a filmes, ler um livro e curtir os bichinhos de estimação.





 

 

 

Pergunte ao ESPECIALISTA

Médica veterinária
Caroline França Perottoni

29, sendo cinco anos de profissão

Tenho dúvidas sobre uso de roupinhas nos cachorros e gatos. O que é adequado?  
“Assim como os humanos, os animais também sentem frio e o uso das roupinhas pode auxiliar a evitar doenças como a pneumonia. Mas o uso incorreto pode sim trazer problemas. O ideal é que o bichinho não fique vestido o tempo todo, por mais frio que esteja, pois a pele aquece e acumula umidade, o que vai favorecer o desenvolvimento de bactérias e fungos. Por isso não devemos vestir o animal com o pelo molhado/úmido. O recomendado é utilizar as roupinhas somente para passeios e no horário mais frio do dia, lembrando de colocar no sol após o uso e lavar semanalmente com sabão neutro ou de coco. Dependendo do tecido e até do produto utilizado na lavagem, os animais podem vir a desenvolver quadros de dermatite alérgica”.





 

 

 

 

 

Leão

De 23/07 a 23/08

Luiza Staevie Machado
analista de comunicação institucional, nascida em 21/08/1990

“Como uma típica leonina, sou muito comunicativa e faço amigos por onde passo. Tenho necessidade de ser aceita por todos e fico arrasada quando alguém me rejeita ou ignora. Sou romântica e generosa e adoro presentear quem eu amo, sempre com o intuito de causar boa impressão, ser grata. Na profissão, me adapto bem às atividades de liderança e busco superar os desafios. Além disso, sou super preocupada com a ‘juba’, não abro mão de estar com os cabelos escovados e hidratados”.
 






BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601