Expresso Edição 53 - novembro de 2011

TOQUES


A maneira correta de guardar as roupas do inverno

Os dias estão ficando mais quentes e as peças pesadas vão sendo guardadas no fundo do armário. Mas como conservar as roupas até o próximo inverno sem estragá-las?

. Sempre que possível, deixe as portas do guarda-roupa abertas, principalmente em dias quentes e secos, para arejar as peças.

. Utilize potes antimofo em cada divisão dos armários. Eles têm partículas que absorvem a umidade e são um bom auxílio na conservação das roupas.

. Se a peça já estiver com mau cheiro, o odor só poderá ser retirado com a lavagem. Se preciso, lave mais de uma vez e espere a secagem total antes de guardar a peça no armário.
 
. Couro e camurça: essas peças nunca devem ser guardadas em sacos plásticos, pois isso pode causar mau cheiro e deformidades. O ideal é embalar as roupas em capas de TNT e, pelo menos uma vez por mês, expô-las em local fresco e seco à sombra.






DICA


Para fazer com que as hortaliças durem mais na geladeira, forre a gaveta de verduras com papel-toalha. O material absorve a umidade evitando que elas estraguem.









FRASE


"Querendo o bem ao próximo você terá o bem para si. E não faça aos outros o que não gostaria que fizessem com você"

Luciano Huck, apresentador







Li e recomendo


Thiago dos Santos Aguiar

25, empresário

Título
“O Evangelho segundo o Espiritismo”

Autora
Allan Kardec

“É uma obra que avalia os evangelhos canônicos sob a ótica da doutrina espírita, tratando com atenção especial a aplicação dos princípios da moral cristã e de questões de ordem religiosa como a prática da adoração, da prece e da caridade. Mostrando o caminho mais adequado para enfrentar as mais diversas situações da vida e colocando-as em prática no nosso dia a dia, nos aperfeiçoando moralmente através da fé em Cristo”.


Vi e recomendo



Mariliane Moraes de Oliveira

23, esteticista e cosmetóloga

Título
“A morte e a vida de Charlie”

Diretor
Burr Steers

“A história é de um jovem que sofre um acidente envolvendo ele e o seu irmão, deixando este como vítima fatal.  Charlie faz uma promessa para o irmão já morto, ficando assim, preso ao passado. O tempo passa e ele reencontra uma ex-colega, descobrindo muitas surpresas. Contudo, o seu passado o prende na sua pequena cidade e enfim ele acaba descobrindo a resposta para a pergunta feita por ele desde a morte do seu irmão: Por que eu sobrevivi?”.




Para sempre


2011 - Djane Clair Weber Sperb

Ela estudou no Colégio Barão do Rio Branco e já concorreu à Miss Cachoeira do Sul. Depois de trabalhar um tempo no comércio, parou para se dedicar aos cuidados dos filhos. Após ficar atuando como dona-de-casa por mais de sete anos voltou a trabalhar, desta vez como dona do seu próprio negócio, a loja By Clair, inaugurada em 2005. Aos 50 anos é mãe de Carolina, 25, e Guilherme, 22, e casada com Cláudio, 68.


1979 - Djane Clair Purper Weber




MEUS ENDEREÇOS

GASTRONOMIA -
Adoro a comida do Amor à Primeira Mordida. Já à noite gosto muito dos ambientes da pizzaria Bittencourt, do XL e do El Fogon.
 
VIAGEM - A viagem que mais gosto de fazer é para Gramado, porque todo o caminho é lindo, passando pela bela rota romântica.       
 
MODA - Gosto muito de comprar na San Marco, na Dullius e na Attitude, porque nessas lojas encontro roupas de qualidade e bom gosto.
 
LAZER - Meu lazer é viajar nos finais de semana, especialmente para Porto Alegre.
 
DESCANSO - O meu momento de descanso é quando estou em casa curtindo minha família.

Renata Dolianitis, cabeleireira





POR ONDE ANDA

Pamela Radunz

Em busca de novas experiências e motivada pela possibilidade de crescimento profissional e por ter mais oportunidades de estudar, Pamela, 24, há quatro anos foi morar em Florianópolis. Atuando no setor administrativo de uma empresa de transportes e cursando o sexto semestre de Administração, ela se diz realizada com a nova vida. “Morar aqui na ilha é maravilhoso, é um lugar lindo e tranquilo para viver”, conta Pamela que confessa que a melhor coisa é poder ir à praia todos os finais de semana. “E a pior sem dúvida é a saudade de todos os amigos e familiares que ainda residem em Cachoeira do Sul”, diz a jovem. Pamela mora com a filha Paula, nove anos, e visita a cidade natal duas vezes por ano.













MODA


Não é todo mundo que pode investir em um look cheio de peças de grife e, nesses casos, o estilo high-low pode ser uma opção interessante. O conceito significa misturar peças caras e baratas em uma mesma produção. Montando looks que permitem peças de grife e peças mais em conta, de redes de fast fashion, ao mesmo tempo.
















JÁ PENSOU?


Para não deixar a cuba de vidro passar despercebida no seu lavabo ou banheiro, cubra seu fundo com bolinhas de gude. Elas podem ser coloridas, mas quando na mesma cor garantem um visual limpo e sofisticado, sem perder o bom humor.











BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601