Reportagens Edição 98 - dezembro de 2015

Como está o seu colchão?


O colchão influencia na qualidade do sono, então, é necessário estar atento para ver se ele está em boas condições


Todo mundo quer dormir bem, afinal, é depois de uma noite bem dormida que temos o pique para enfrentar as tarefas do dia. E um dos protagonistas do bom sono é um colchão adequado. “A qualidade do colchão influencia diretamente na qualidade do sono, devendo ser considerado este o produto mais importante da nossa casa, pois o nosso corpo e a mente vão descansar sobre ele”. É o que afirma a empresária e proprietária do Espaço Eko’7, Lúcia Costa da Rosa, 45, sendo cinco anos de atuação neste ramo.


Os colchões já exercem muito mais que suas funções. A tecnologia agregou a eles funcionalidades especiais, como as de fazer massagem, terapia quântica (melhorando a saúde das células) e permitir várias posições de inclinação para tronco e pernas, o que dá conforto ao ler e assistir à televisão, evitando tencionar os músculos e a coluna cervical.

QUANDO TROCAR - Alguns sinais indicam que está na hora de trocar de colchão e nenhum deles pode ser ignorado. Segundo Lúcia, é preciso estar atento se durante a noite temos dificuldade em permanecer na cama no mínimo por seis horas e também se sentimos muitas dores durante o sono e quando levantamos. “A sensação de cansaço ou de que não dormiu nada assim que sai da cama também é um forte indício de que está na hora de trocar o colchão”, diz a empresária.

COMPRE O COLCHÃO CERTO - O colchão deve ser escolhido de acordo com o perfil de quem vai usá-lo. Deve ter conforto e ortopedia, que são características indispensáveis em um produto adequado para o uso diário. “O ideal é que possuam camadas justapostas e com densidade progressiva, tendo um sistema inteligente, que se adapte à forma anatômica do corpo independentemente da estatura ou peso”, explica Lúcia.

 

 

Colchão com inclinação para tronco e pernas evita tencionar os músculos e problemas na coluna cervical

 


Lúcia Costa trabalha há cinco anos com os colchões Eko’7

DANIELA DAL RI





UMA NOITE MAL DORMIDA PODE ACARRETAR

. Olheiras

. Mau humor

. Dificuldade de concentração

. Redução da eficiência do sistema imunológico

. Alteração do equilíbrio hormonal

. Maior probabilidade de estado pré-diabético, obesidade, depressão, ansiedade e dificuldade de cognição
 






EDIÇÃO IMPRESSA


Edição 118 - outubro de 2017

BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601