Reportagens Edição 95 - setembro de 2015

POR UMA VIDA MELHOR


Fisioterapia neural pode restaurar o equilíbrio neurológico aliviando diversos tipos de dor


Viver livre de dores. Quem não quer? Esse é um desejo especialmente dos que experimentam esse tipo de sensação durante dias, meses e, às vezes, até anos. Um dos novos tratamentos que promete diminuir este incômodo é a fisioterapia neural (ou terapia neural). Trata-se de uma estimulação com agulhas (como as usadas na acupuntura) que é capaz  de restaurar o equilíbrio neurológico, o que contribui para a diminuição das dores. O fisioterapeuta FÁBIO PIVETTA HÖRBE, 34, sendo 10 anos de profissão, que trouxe a técnica para Cachoeira do Sul, explica como ela funciona.



 

Dores que podem ser tratadas

“Entre tantas, a terapia neural é uma técnica que pode tratar crise de nervo ciático, tendinites, bursites, hérnia de disco, esporão de calcâneo, fascite plantar, dores nos ombros, cotovelos, joelhos e tornozelos e fibromialgia, entre outras. Também serve para bruxismo, enxaqueca, labirintite e doenças respiratórias como rinite e sinusite. Serve tanto para dores agudas quanto crônicas”, observa Fábio.

 

Resultados

“Alguns pacientes apresentam alívio imediato e sensação de bem-estar já na primeira aplicação. As aplicações são só com a pontinha da agulha, não chega a ser igual a uma injeção. O tempo de tratamento depende do metabolismo de cada um”, ressalta o fisioterapeuta.


Avaliação

É realizada uma avaliação em todo o corpo para descobrir os pontos de gatilho que podem estar interferindo na área da lesão, sendo detectado e tratado desde a raiz do problema  e não só no local da dor.

 

Restrições

“Suas duas únicas restrições são uma diabete descontrolada e um nódulo cancerígeno no local da aplicação. Por ser aplicado um estimulador, pode alastrar mais nódulos pelo corpo. Existem também três zonas de interferência que podem interferir no tratamento da área de lesão: cicatrizes (sejam elas de infância, acidente ou cirúrgica), centro frênico (região abdominal, onde ao se realizar a palpação neste local pessoas muito estressadas apresentam rigidez) e cavidade bucal. Ou seja, após a avaliação e a inicialização do tratamento sempre devemos aplicar nestas zonas de interferência (caso existam) além da zona de lesão”, explica o profissional.

Quem aplica

“A terapia neural é aplicada por fisioterapeutas, em todo o corpo, e por dentistas, só na boca. Alguns médicos no mundo já estão aplicando a técnica mediante cursos com fisioterapeutas”, diz Fábio.



 

A fisioterapia neural, originária da Alemanha, já existe há anos no exterior e agora está chegando ao Brasil. Existem cerca de 120 fisioterapeutas em todo país aptos a trabalhar com ela e aqui no Rio Grande do Sul apenas Fábio aplica esta técnica. Estudos comprovam que tratamentos com agulhas são muito mais eficazes que outros tipos de tratamentos e até mesmo que anestésicos locais.
 






BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601