Reportagens Edição 91 - maio de 2015

Além das FLORES!


Jardins produtivos garantem uma alimentação mais saudável

 

Na onda de buscar o mais saudável para alimentação da família, muitos têm dedicado algumas horas da semana para manter um jardim produtivo, que nada mais é do que um espaço para cultivo de ervas e hortaliças junto com as tradicionais plantas ornamentais. Segundo a bióloga Simone Pohl, 43, sendo nove anos de profissão, para ter um em casa não é preciso uma área grande nem muito conhecimento sobre plantas.

 

 

 

 

 

Cachepôs com ervas, temperos e verduras

 

 





Canteiro de temperos e hortaliças



Canteiro de tuberosas e temperos



LOCAL

 

. Área ensolarada, próxima à fonte de água de boa qualidade e protegida de ventos fortes e frio.
. Solos com boa drenagem. Para vasos, você pode usar misturas: uma parte de terra comum de jardim, duas partes de terra vegetal e uma parte de areia.
. Cerque a área para proteger contra a invasão dos animais (principalmente domésticos).




TEMPO


O maior tempo é dedicado na implantação, pois nessa fase as espécies exigem boa umidade (não encharcado) para germinar. Depois são necessárias regas regulares.


FERRAMENTAS


Pazinhas, ancinho, arrancador de inço, enxadinha, regador e pá.


INSETOS


“É muito raro as ervas serem atacadas por doenças ou insetos, mesmo porque elas são muito usadas para afastá-los. Caso ocorra infestação (hortelã e endro são mais suscetíveis), o melhor a se fazer é arrancar a planta”, diz Simone.


ADUBE


Os nutrientes do solo se esgotam conforme vão sendo consumidos pelas plantas, ainda mais quando se trata do cultivo em vaso. Por isso é preciso substitui-los com adubos orgânicos (por exemplo: composto e húmus de minhoca) ou inorgânicos (por exemplo: NPK - 4:14:8).

SEMENTES


Pode-se utilizar sementes (no comércio existem pacotes com poucas sementes, ideais para pequenas áreas) ou mudas prontas, compradas em lojas agropecuárias ou floriculturas.




 

HORTA EM CASA

“Começamos a plantar há um ano pois queríamos ter temperos frescos em casa e sem tanto agrotóxico. O tempo gasto com a horta é somente na hora de plantar e depois regar todos os dias. São minutos que temos um contato maior com a terra e com os frutos dela, algo que na correria do dia a dia se torna muito importante”.
Suelen Bernardes, 32, cirurgiã-dentista


Suelen e o marido Conrado Carlesso


Tomates saindo direto da horta





Harmonia em pequenos espaços

 

PLANTE


. Ervas e temperos, como alecrim, manjericão, manjerona, cebolinha, poejo, salsa, endro, coentro, cominho, estragão, hortelã, melissa, orégano, pimenta, sálvia, erva-doce e tomilho.
. Chás, como alfazema, verbena, camomila, malva, calêndula e lavanda, são multifuncionais e se adaptam bem tanto em canteiros quanto em vasos ou floreiras.
. Algumas hortaliças folhosas, como alface, mostarda, couve e repolho.
• Fica bonito usar algumas flores, se forem as comestíveis melhor ainda, como a capuchinha e o amor-perfeito.
. Cenoura e beterraba, tuberosas ricas em nutrientes e minerais.
. Árvores frutíferas nativas, como jabuticabeira, araçá, cerejeira, pitangueira e guabiju. Trepadeiras, como o maracujá (podendo ser cultivada no jardim ou em floreiras).



 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

“Existem muitas formas de ter um jardim produtivo tanto em residências com área de jardim quanto em apartamentos com varandas”. Simone Pohl






EDIÇÃO IMPRESSA


Edição 118 - outubro de 2017

BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601