Reportagens Edição 71 - julho de 2013

Poupança para o futuro


Invista seu dinheiro de forma rentável

Guardar dinheiro e apostar no investimento certo pode ser a segurança de um futuro mais tranquilo e o caminho perfeito para comprar a casa própria ou realizar a viagem dos sonhos. Geralmente, a poupança é a melhor opção, mas há outras formas de aplicar o dinheiro e o fazer render.

Segundo o economista Antônio Wilson Corrêa da Silva, 68, 30 anos de profissão, os mercados financeiro, imobiliário, acionário e mercado de investimentos fixos oferecem boas margens de rentabilidade. Mas é importante estar atento para saber onde está colocando o seu dinheiro. “O essencial é que, no ato da escolha, a opção seja por uma instituição de primeira linha, que ofereça credibilidade”, diz Wilson.

Promessa de lucro rápido nem sempre é a melhor opção. É importante estar atento para não ser passado para trás. “Nunca esqueça que a promessa de lucro fácil poderá dilapidar, inesperadamente, seu patrimônio financeiro”, fala Wilson. Antes de tomar qualquer atitude, deve-se pensar muitas vezes e então escolher a opção que mais se adapte ao que você quer:


POUPANÇA – É uma aplicação segura, mas rende pouco. A principal vantagem é que está livre de Imposto de Renda na hora de resgatar o dinheiro.

TÍTULOS DE RENDA FIXA – Os mais comuns são os CDBs (certificado de depósito bancário), onde você empresta dinheiro ao banco e ele te recompensa com juros, e o Tesouro, em que você empresta dinheiro ao governo. O investimento em renda fixa deve ser entendido como um empréstimo: quem investe em renda fixa está comprando um título de dívida, isto é, empresta dinheiro e em troca recebe com juros quando ocorre o resgate do título.

FUNDOS DE INVESTIMENTO –
Reúnem dinheiro de um grupo de investidores para aplicar no mercado financeiro. Quem recolhe este dinheiro são os bancos e corretoras. Todo o dinheiro aplicado nos fundos é convertido em cotas, que são distribuídas entre os aplicadores ou cotistas. O valor da cota é atualizado diariamente e o cálculo do saldo do cotista é feito multiplicando o número de cotas adquiridas pelo valor da cota no dia.

PREVIDÊNCIA PRIVADA – É investimento em longo prazo. Ideal para quem quer garantir um reforço na aposentadoria. Em longo prazo, pode render mais que poupança.

BOLSA DE VALORES – As bolsas de valores são locais onde são negociados títulos emitidos por empresas de capital privado, público ou mistos. Na compra de ações, o investidor torna-se um pouco dono da empresa. Mas o economista Wilson faz um alerta. “Este é um investimento de risco. Quando a empresa não apresenta lucro no final de um exercício, o preço das ações desta empresa cai vertiginosamente. Aí está o grande risco para as pessoas que não têm amplo domínio deste mercado”, fala.


 

 

 

 

 

 

Na hora de investir, uma regra fundamental das finanças não pode deixar de ser observada: a diversificação reduz os riscos dos investimentos. Não aposte todo dinheiro em uma só opção.

 






 

 

Antes de aplicar seu dinheiro, leve em conta:

. Todo investimento precisa de um objetivo. Escolha o seu e foque nele.

. Entenda os tipos de investimentos do mercado.

. Procure bancos e instituições financeiras confiáveis.

. Antes de aplicar qualquer quantia, resolva todas suas pendências financeiras.

. Avalie o melhor momento para usar o dinheiro investido.

. Informe-se dos impostos e taxas que serão cobrados na hora em que for retirar o dinheiro.


 






BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601