Reportagens Edição 70 - junho de 2013

Navegando com ETIQUETA


Saiba qual é a medida certa para manter a privacidade na internet

 

As regras de etiqueta estão em todos os lugares. Há quem pense que não passam de bobagens, mas as regras, de certa forma, organizam a sociedade para uma boa convivência. A internet não está fora disto, especialmente as redes sociais. Segundo a consultora de etiqueta, Rosimere Moraes, 48, é sempre importante refletir sobre o que estamos compartilhando. “Nossas manifestações mostram muito da nossa personalidade. Muitas pessoas perderam o limite nas redes sociais e acabam passando por mal educadas, esnobes, fúteis e sem conteúdo pelas coisas que publicam”, fala Rosimere.




GUERRAS ENTRE PESSOAS E DOR DE COTOVELO

Se você está aborrecido com algo ou com alguém, reflita sobre o assunto antes de sair publicando. Não escreva para alguém nada que você não diria pessoalmente. Fica feio mostrar todas suas frustrações e desabafos através de indiretas pelo Facebook.


ESCREVA CERTO 

Além disso, evite usar caixa alta, pois dá a impressão de estar gritando. Use opções de texto mais sutis, deixando palavras em negrito ou sublinhado.


CONTROLE A ANSIEDADE
 

Ficar tentando conversar a todo custo com a pessoa, chegando a chamar a atenção várias vezes, é algo desagradável. Tenha paciência e, se a pessoa tiver condições, ela responderá a sua mensagem. Você pode acabar atrapalhando o trabalho dos outros.


CRÍTICAS 

Caso você queira fazer alguma crítica, que ela seja construtiva e não destrutiva. Não fale mal porque encontrou algum erro ou porque o conteúdo está ruim. Dê sugestões para melhorar. Evite comentários desnecessários.


CUIDADO COM O PRECONCEITO 

Muitas empresas vêm usando as redes sociais como uma forma de conhecer pessoas envolvidas em negócios e até mesmo candidatos às vagas de emprego. Por isso, muito cuidado ao abordar temas como racismo, homofobia, xenofobia, futebol ou intolerância religiosa.


MARCAÇÕES 

Nada mais desagradável que um amigo marcar você no Facebook numa foto em um momento constrangedor ou que sabe que você não vai gostar. Rede social não é terapia onde você pode contar tudo da sua vida pessoal e profissional.


IRRITA MUITO  

Convites insistentes para jogos, marcar em publicações no qual não autorizariam, enviar solicitação de calendário várias vezes, postar fotos apelativas de doenças ou nudez e outras bobagens.


BOM SENSO 

Ao deixar mensagens e recados para as pessoas, evite propagandas e montagens escandalosas. E, nas comunidades, não crie tópicos inúteis quando a discussão no local for séria.


CHATO ONLINE 

Ficar constantemente pedindo coisas para si é uma receita infalível de como afastar essas pessoas. Autopromoção excessiva e solicitações constantes são consideradas de mau gosto.


NÃO FALE MAL DA EMPRESA QUE VOCÊ TRABALHA

É demissão por justa causa quando o funcionário possui um vínculo claro com a empresa e faz algum comentário que venha a difamar a organização.


PALAVRÕES E LAVAGEM DE ROUPA SUJA  

Infelizmente o Facebook está cheio disto. Procure se policiar quanto a isso e cuide melhor de ti. Use a rede social ao seu favor e não contra!


SEMPRE MAIS ATENÇÃO A QUEM ESTÁ PERTO  

Outro fato que chama a atenção da consultora é que muitas vezes as pessoas estão se visitando e o anfitrião da casa não larga o Facebook. “Parece que a internet é mais importante do que a visita que está recebendo”, alerta.

 


"Preserve-se, intimidade não é para amigos do Facebook e sim para amigos de face a face."
Ator e escritor Miguel Falabella









EDIÇÃO IMPRESSA


Edição 118 - outubro de 2017

BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601