Reportagens Edição 65 - dezembro de 2012

Bem na festa


Não faça feio na confraternização de fim de ano da empresa onde trabalha

 

Um ano de trabalho árduo. Chega dezembro e o clima de comemorações faz a maioria das empresas organizar festas para confraternizar com seus funcionários e brindar os resultados dos meses de esforço. É hora de descontração, mas sempre com muito cuidado para não colocar em risco a imagem profissional. “Essa imagem é construída através de atitudes e comportamentos, portanto, se houver algum exagero, mesmo se tratando de uma festa, isso poderá ser lembrado no ambiente de trabalho e prejudicar a ascensão profissional de qualquer um”, explica a consultora de etiqueta Rosimeri de Moraes, 47 anos, sendo 20 de profissão, que fez um pequeno guia para quem quer se divertir e, ao mesmo tempo, manter uma postura adequada ao ambiente.

 





Piores gafes


. Fazer performances de dança sozinha ou em grupo só se for na esportiva e o clima da festa permitir. As danças mais sensuais não são adequados.
. Ir vestida como se fosse para uma balada com suas amigas, exagerando em decotes e em saias curtas demais.
. Abraçar os colegas de trabalho e dizer o quanto gosta deles.
. Beber demais.




CIRCULE

Não esqueça que esse tipo de confraternização das empresas é muito importante para a integração com os colegas. Circule pelo local, procure conversar com todos e, ao chegar e sair, é fundamental cumprimentar quem estiver presente.


CONVERSAS

Evite reclamações, fofocas, piadas de mau gosto, excesso de gírias e dispense os palavrões. Deixe as conversas particulares e comentários para outro momento. Doenças, problemas financeiros, brigas, insatisfação no trabalho e reivindicações salariais ficam completamente fora da conversa com qualquer pessoa na festa.


COMES E BEBES
Mantenha o bom senso. É melhor pegar porções menores e repetir mais vezes o que gostou mais do que encher o prato e se tornar deselegante. Se não souber lidar com os talheres, preste atenção em alguém próximo e tente copiar. Cuidado com as bebidas alcoólicas. Você sabe como reage depois de algumas taças, beber demais ou empanturrar-se de comida por gula é uma gafe imperdoável.


COMPORTAMENTO
Evite cheiros fortes. Cuidado com a invasão de privacidade, portanto, não pergunte demais sobre a vida de colegas e chefes.


O QUE USAR
Se no convite estiver estipulado o traje, é fácil. Caso contrário, analise o tipo de festa. Se for coquetel, o traje é social, mas descolado. No restaurante, cabe o esporte fino ou roupas casuais, confortáveis e sérias. Pense que você passará a maior parte do seu tempo sentada. No churrasco, prefira um maiô ou um biquíni comportado, se houver banho. Não se esqueça da canga ou saída de banho.







 






BUSCADOR

Última Edição Todas as Edições

Rua 7 de Setembro, 1015 - CEP 96508-011 - Cachoeira do Sul/RS
Telefone (51) 3722-9696 - Fax (51) 3722-9601